Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

poetaporkedeusker

poetaporkedeusker

UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
10
Jan13

SONETO DE APELO À CONSCIENCIALIZAÇÃO POLÍTICA DO CUPIDO... :)

Maria João Brito de Sousa

(Em decassílabo heróico)


Não te deixes levar – nunca te iludas! –
Pela promessa vã de um sonho vago,
Por pérfida carícia em breve afago
Na amorfa mansidão das queixas mudas.


Que as setas que lançares sejam agudas,
Que zunam, que penetrem, causem estrago
E possam, tal e qual como as que trago,
Furar sem desdenhar de entreajudas.


Resguarda-te do mal. Quando o enfrentas,
Não fujas dele, foge do que inventas,
Que aqui há mal de sobra… e sobram mil!


Que das setas que lanças, quando o tentas,
Brotem, mais uma vez, justas, sedentas
E vivas, as razões pr`amores... de Abril!




Maria João Brito de Sousa – 10.01.2012 – 17.05h
 
 
Imagem retirada da net, via Google
25
Abr10

ABRIL, SEMPRE!

Maria João Brito de Sousa

Eu trago Abril nas mãos, Abril no peito,

Trago Abril na memória em tempos idos

E trago, nos meus sonhos mais floridos,

Um cravo que abraçava amores-perfeitos.

 

Abril, com qualidades e defeitos,

Esse Abril dos projectos consentidos

Que os homens e mulheres mais decididos

Ergueram contra falsos preconceitos

 

Nasceu Abril na terra do canteiro

Quando o mundo sentiu que Portugal

Despertara, por fim, pr`a igualdade

 

O cravo floresceu no mundo inteiro,

Toda a gente quis ter um cravo igual

E fez-se ouvir um hino à liberdade!

 

 

 

 

Um feliz 25 de Abril para todos vós! {#emotions_dlg.redflower}

 

22
Abr10

MENSAGEM - Abril de 2010

Maria João Brito de Sousa

 

Peço desculpa por me não identificar. Muito provavelmente nem deveria estar a fazer isto, mas senti que seria importante divulgar esta mensagem. Talvez me tentem descobrir através do IP, por isso serei breve. Estou aqui porque a mulher que criou este blog foi, ontem à tarde, detida para averiguações. Sei-o porque presenciei tudo, escondido atrás de uma sebe que ninguém se lembrou de sacudir.

 Ao que parece, a mulher publicou um artigo no http://contra-sensual.blogs.sapo.pt/ que funcionou como elemento catalisador da detenção. Pelo que me foi dado entender, a mulher era alvo de um cuidadoso estudo por parte da PIDE e só não fora ainda detida por se não terem encontrado provas que consubstanciassem as suspeitas. O último post foi, no entanto, considerado subversivo e capaz induzir comportamentos desviantes.

 Vi-a ser abordada por três agentes, mas não a ouvi abrir a boca a não ser para dizer que alguém teria de cuidar dos seus animais. Esta postura valeu-lhe dois valentes bofetões a que não reagiu minimamente senão para reiterar a afirmação. Foi nesse momento que um dos agentes a empurrou para dentro de um automóvel de matrícula ilegível, que partiu de imediato.

Muitos não me acreditarão. Muitos continuarão a não me acreditar daqui a muitos anos, quando tudo isto for olhado  como um pesadelo que já passou.

De qualquer forma a mensagem fica.

Temo ter-me excedido no tempo que me pode restar online. Lamento não poder dar mais informações sobre o assunto e só tenho pena de não ter a chave para poder ir tratar dos seus animais.

 

 

 

 

 

Texto acabadinho de inventar para http://fabricadehistorias.blogs.sapo.pt/ :)

Desculpem-me o amadorismo do improviso, mas estou mesmo sem tempo e, tal como o "misterioso narrador", achei que o mais importante seria fazer passar a mensagem...

 

 

 

EM REEDIÇÃO DE POST - Não tive tempo - e agora sou eu mesma a narradora - para publicar o post de hoje, mas estes cãezinhos cuja imagem não consigo publicar mas que irão encontrar no http://araujo.wordpress.com/2010/04/10/procuram-novo-lar/scooby/, têm uma "deadline" literal que acaba no dia 5 de Maio. Se não puderem ficar com um - ou todos... - divulguem o mais rapidamernte possível.

Deixo-vos este pedido e um soneto que foi publicado em pré-datação e que só estará visível na manhã do dia 25 de Abril.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Em livro

Links

O MEU SEBO LITERÁRIO - Portal CEN

OS MEUS OUTROS BLOGS

SONETÁRIO

OUTROS POETAS

AVSPE

OUTROS POETAS II

AJUDAR O FÁBIO

OUTROS POETAS III

GALERIA DE TELAS

QUINTA DO SOL

COISAS DOCES...

AO SERVIÇO DA PAZ E DA ÉTICA, PELO PLANETA

ANIMAL

PRENDINHAS

EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE POETAS

ESCULTURA

CENTRO PAROQUIAL

NOVA ÁGUIA

CENTRO SOCIAL PAROQUIAL

SABER +

CEM PALAVRAS

TEOLOGIZAR

TEATRO

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

FÁBRICA DE HISTÓRIAS

Autores Editora

A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!