Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

poetaporkedeusker

poetaporkedeusker

UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
27
Ago08

O NASCIMENTO DE EVA

Maria João Brito de Sousa

 

A MULHER INTERROMPIDA II

 

Subitamente carne, eu aterrei

Neste planeta incerto, e quis viver!

Neste acto (in)voluntário de nascer

Trouxe comigo o mar que, um dia, herdei.

 

Subitamente vida, eu comecei

A pesquisar o mundo, a qu´rer saber...

Vivi-me por inteiro até morrer

E, sem saber porquê, depois voltei.

 

Sem sair deste espaço, o que eu andei!

As mil e uma voltas que não dei,

As mil e uma coisas que não vi!

 

Há quantos mil milénios eu me sei

Nas vezes que morri, nas que acordei

Sobre o estranho planeta em que nasci...

 

 

Maria João Brito de Sousa - 27.08.2008 - 13.03h

 

Imagem retirada do site www.sabercultural.com

 

NOTA DE RODAPÉ - Este soneto classifica-se entre os "poemas de

                                   rima pobre", pois todos os versos terminam   

                                   em palavras da mesma categoria gramatical.

                                   Neste caso específico são Pretéritos Perfeitos

                                   de verbos. Em poesia a classificação "rima pobre" não tem

                                   uma conotação negativa. É apenas uma

                                   classificação como outra qualquer, sem valor qualitativo. 

 

2 comentários

  • Muito e muito obrigada, meu amigo António.
    Estas minhas telas foram fotografadas e digitalizadas por um colega da Associação de Artistas Pásticos Paço de Artes. Sem esta oferta dele não as conseguiria mostrar com esta qualidade de imagem.
    No fundo, este bog tem muitos pequenos auxílios, entre os quais o seu.
    Um grande abraço!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Em livro

    Links

    O MEU SEBO LITERÁRIO - Portal CEN

    OS MEUS OUTROS BLOGS

    SONETÁRIO

    OUTROS POETAS

    AVSPE

    OUTROS POETAS II

    AJUDAR O FÁBIO

    OUTROS POETAS III

    GALERIA DE TELAS

    QUINTA DO SOL

    COISAS DOCES...

    AO SERVIÇO DA PAZ E DA ÉTICA, PELO PLANETA

    ANIMAL

    PRENDINHAS

    EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES

    ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE POETAS

    ESCULTURA

    CENTRO PAROQUIAL

    NOVA ÁGUIA

    CENTRO SOCIAL PAROQUIAL

    SABER +

    CEM PALAVRAS

    TEOLOGIZAR

    TEATRO

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D

    FÁBRICA DE HISTÓRIAS

    Autores Editora

    A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

    AO 90? Não, nem obrigada!