.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Terça-feira, 13 de Dezembro de 2011

SEI LÁ QUANDO....

transferir (8).jpg

 

 

É de longe que venho. O que eu vivi!

 

Quantos prados eivados de ribeiras,

 

Quantos penhascos, quantas ribanceiras

 

E quanto esconso vale eu não corri...

 

 

 

E o que passou correndo e que nem vi,

 

Na pressa de correr? Entre carreiras,

 

Se perdem forças, se ganham canseiras,

 

Se esquece tanto quanto eu já esqueci.

 

 

 

Às vezes muito tarde, noite afora,

 

Esperando a madrugada, como agora,

 

De pálpebras cerradas, mas sonhando,

 

 

 

Outras vezes de dia, a qualquer hora,

 

Grafando a irreverência da demora

 

Nalgum  quase insondável “sei lá quando”…

 

 

 

 

 

Maria João Brito de Sousa – 13.12.2011 – 21.16h

 

 

 

Imagem de um dos megalitos da Ilha de Páscoa, retirada da internet

 

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 22:18
link do post | "poete" também! | ver poetices (31) | favorito
|
Sábado, 10 de Dezembro de 2011

RETRATO DE MANADA ATR...

Mui paulatinamente, uns três ou quatro, Irão adiantando a caminhada Usando da prudência e do recato Comum à persistênci...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 14:40
link do post | "poete" também! | ver poetices (6) | favorito
|
Terça-feira, 6 de Dezembro de 2011

ALENTEJO II

Ó terra de oiro antigo e céu sem fim Pontilhada de verde e de castanho, Eu quero-te sem prazo e sem tamanho Com este qu...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 15:06
link do post | "poete" também! | ver poetices (20) | favorito
|
Domingo, 20 de Novembro de 2011

SONETO A UMA MARIA SE...

… e quando, um dia, o mar vier beijar A luz desse luar que te ilumina E se afundar, depois, na areia fina Das praias de...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 23:05
link do post | "poete" também! | ver poetices (22) | favorito
|
Sábado, 12 de Novembro de 2011

CANSEI-ME...

Cansei-me de pedir-te ao tempo irado… Cansei-me de chamar-te e, se chamei, Foi soprando palavras que nem sei Se o tempo...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 14:01
link do post | "poete" também! | ver poetices (58) | favorito
|
Terça-feira, 1 de Novembro de 2011

UM POENTE DIFERENTE, ...

Quis falar do Mondego e, na verdade, É desta foz do Tejo que vos falo, E cresce cá por dentro a voz que calo Pr`a conte...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 17:20
link do post | "poete" também! | ver poetices (87) | favorito
|
Sábado, 22 de Outubro de 2011

O ABRAÇO DA LUZ DO ME...

Dei-te um mar inocente e virginal, Mas telúrico e quase incandescente, A brotar desse anseio universal De ser muito mai...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 15:42
link do post | "poete" também! | ver poetices (15) | favorito
|
Domingo, 16 de Outubro de 2011

UM TUMULTO A SUBIR DA...

Hoje, nem bem, nem mal, nem coisa alguma… Nem o silêncio impôs a reflexão, Nem um murmúrio só, dizendo "não" Às minh...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 22:25
link do post | "poete" também! | ver poetices (28) | favorito
|
Segunda-feira, 10 de Outubro de 2011

SONETO A UM VERSO QUE...

Usado e gasto ou novo e displicente, Tenho-te aqui, neste onde que nem sei, No poema em que te prendo, esse imprude...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 21:54
link do post | "poete" também! | ver poetices (35) | favorito
|
Terça-feira, 4 de Outubro de 2011

COM A VOZ QUE TRAZEMO...

Nestes punhos magoados que se cerram Por causas bem mais fortes do que a dor, Eu trago estas palavras que se elevam Com...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 15:01
link do post | "poete" também! | ver poetices (12) | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Julho de 2011

MEMÓRIAS DE UMA FLOR ...

Floriram meus amores em plaga incerta Quando um botão de cravo, a despontar, Irrompeu pelas dunas de luar Do dealbar ...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 16:40
link do post | "poete" também! | ver poetices (36) | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Julho de 2011

DE QUE ME FALAS TU, Q...

Não me falas da “pátria” que mal vês Num povo que procura identidade… Falas do “teu” país mas, na verdade, Nem sei se h...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 13:27
link do post | "poete" também! | ver poetices (6) | favorito
|
Segunda-feira, 4 de Julho de 2011

BRINCAR AOS IMPOSSÍVE...

Vem meu amor, vem brando e descartável, Com a máxima urgência que imagines, Moldar-me esta vontade indecifrável Que eu ...

Ler artigo
sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 12:45
link do post | "poete" também! | ver poetices (4) | favorito
|

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. SEI LÁ QUANDO....

. RETRATO DE MANADA ATRAVES...

. ALENTEJO II

. SONETO A UMA MARIA SEM CA...

. CANSEI-ME...

. UM POENTE DIFERENTE, À BE...

. O ABRAÇO DA LUZ DO MEU PO...

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds