.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

CONVERSANDO COM JOSÉ SARAMAGO

rasto.jpg

SONETO ATRASADO



De Marília os sinais aqui ficaram,
Que tudo são sinais de ter passado:
Se de flores vejo o chão atapetado,
Foi que do chão seus pés as levantaram.

Do riso de Marília se formaram
Os cantos que escuto deleitado,
E as águas correntes neste prado
Dos olhos de Marília é que brotaram.

O seu rasto seguindo, vou andando,
Ora sentindo dor, ora alegria,
Entre uma e outra a vida partilhando:

Mas quando o sol se esconde, a noite fria
Sobre mim desce, e logo, miserando,
Após Marília corro, após o dia.



José Saramago

In “Os Poemas Possíveis”

 

**************

 

SONETO DO ENCONTRO TARDIO



Atrás de mim vieste e me alcançaste

No rasto dos sinais por mim deixados,

Mas tivesse eu mais rio, mais chão, mais prados,

Soubesse eu desses sonhos que sonhaste,



Mais sinais deixaria onde passaste;

Mais lágrimas, mais risos entoados,

Mas muito menos passos apressados

Teria dado até onde me achaste...



Caminhava apressada pela vida,

Sem cuidar de cuidar que havia um fim,

Sem notar que passava distraída,



Mas que um rasto deixava e, sendo assim,

Te apontava uma rota percorrida

Que antecipava a tua, atrás de mim...



Marília



(Maria João Brito de Sousa – 20.11.2012 – 11.20h)

publicado por poetaporkedeusker às 11:35
link do post | "poete" também! | ver poetices (15) | favorito
|
Quinta-feira, 2 de Novembro de 2017

CONVERSANDO COM MARIA...

ALI...NO CAIS DO SODRÉ ALI... NO CAIS DO SODRÉ Ali onde o Tejo parecendo o mar Vem bem de mansinho encostar-se no ...

Ler artigo
publicado por poetaporkedeusker às 17:03
link do post | "poete" também! | ver poetices (8) | favorito
|
Terça-feira, 31 de Outubro de 2017

VELHAS MEMÓRIAS - A D...

(Soneto em verso hendecassilábico e rima encadeada) Acendi-vos velas de vários tamanhos, Depois, entre estranhos,...

Ler artigo
tags: ,
publicado por poetaporkedeusker às 15:51
link do post | "poete" também! | favorito
|
Segunda-feira, 30 de Outubro de 2017

RESPONDENDO A UM SONE...

(Soneto em verso hendecassilábico e rima intercalada) Já estás perdoado, mas sempre te digo Que amante ou amig...

Ler artigo
publicado por poetaporkedeusker às 15:10
link do post | "poete" também! | ver poetices (4) | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017

GLOSANDO A POETISA M...

NA PENUMBRA PINTADA PELA LUA É teu corpo um soneto que imagino Que escrevo tantas vezes e, adormeço No verso que ...

Ler artigo
tags: , , ,
publicado por poetaporkedeusker às 17:14
link do post | "poete" também! | ver poetices (6) | favorito
|
Quarta-feira, 4 de Outubro de 2017

GLOSANDO A POETISA M...

DEI VOZ ÀS MINHAS MÃOS Dei voz às minhas mãos num fim de tarde Quando o sol ao cair no azul do mar Parece que se ate...

Ler artigo
tags: , ,
publicado por poetaporkedeusker às 11:28
link do post | "poete" também! | ver poetices (4) | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Setembro de 2017

MEMÓRIA(S) DO NÁUFRAG...

(Soneto em verso hendecassilábico) Do vento que sopra, da proa que afunda, Do mastro partido, do leme encravado, De...

Ler artigo
publicado por poetaporkedeusker às 09:17
link do post | "poete" também! | favorito
|
Segunda-feira, 11 de Setembro de 2017

GLOSANDO A POETISA M...

O SILÊNCIO FALA E GRITA Por vezes o silêncio fala e grita De modo tão intenso tão feroz Que quando ele aparece e ...

Ler artigo
tags: , ,
publicado por poetaporkedeusker às 14:10
link do post | "poete" também! | ver poetices (4) | favorito
|
Terça-feira, 5 de Setembro de 2017

CONVERSANDO COM JOAQU...

DEMÃOS DE TINTA Já dei uma demão no meu cabelo de tinta que era branca, sem misturapintando devagar, com pouco zelo...

Ler artigo
publicado por poetaporkedeusker às 15:51
link do post | "poete" também! | ver poetices (5) | favorito
|
Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

GLOSANDO A POETISA M...

QUERIA SER POEMA Queria ser poema, não poeta Poema que espalhasse afecto e amor Por todos os recantos do planeta On...

Ler artigo
publicado por poetaporkedeusker às 13:41
link do post | "poete" também! | ver poetices (4) | favorito
|
Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017

GLOSANDO MARIA DA ENC...

UM BARQUITO NO TEJO Lá ao longe nas águas cor de prata Onde o sol se refresca ao fim do dia E onde o Tejo convida uma...

Ler artigo
tags: , ,
publicado por poetaporkedeusker às 10:57
link do post | "poete" também! | ver poetices (2) | favorito
|
Sábado, 19 de Agosto de 2017

GLOSANDO CHICO BUARQUE

SONETO Por que me descobriste no abandonoCom que tortura me arrancaste um beijoPor que me incendiaste de desejoQuand...

Ler artigo
publicado por poetaporkedeusker às 07:33
link do post | "poete" também! | ver poetices (2) | favorito
|
Quarta-feira, 26 de Julho de 2017

GLOSANDO A POETISA M...

COLHI CACHOS DE SOL Colhi cachos de sol já à tardinha E juntei-lhe uma fruta bem madura Com água, gelo e gim. Fiz c...

Ler artigo
tags: , ,
publicado por poetaporkedeusker às 11:47
link do post | "poete" também! | ver poetices (4) | favorito
|

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. CONVERSANDO COM JOSÉ SARA...

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. VELHAS MEMÓRIAS - A Dois ...

. RESPONDENDO A UM SONETO D...

. GLOSANDO A POETISA MARIA...

. GLOSANDO A POETISA MARIA...

. MEMÓRIA(S) DO NÁUFRAGO-PE...

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds