.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Sábado, 7 de Setembro de 2013

"DE MÃO BEIJADA"...

 

 

(Soneto em decassílabo heróico)

 

 

Se isso viesse, assim, de mão beijada,

Tempr`ar-nos desse sal com que o escreveste

E fosse ouvido, sem dizer mais nada,

Significando o mais que nele escondeste…

 

Depois, se ultrapassada a longa estrada

De quanto humano passo nunca deste,

Se erguesse e se lançasse em revoada,

Determinado, urgente, irado, agreste,

 

Sobre a bruta injustiça alicerçada

Por quem aceita a “capa” e logo a veste

Só porque foi por tantos cobiçada,

 

Melhor fora eu ficar muda e calada

A “soprar-te” que sei que não esqueceste

Aqueles que a vestem gasta e já rasgada…

 

 

 

 

Maria João Brito de Sousa – 07.09.2013 – 20.25h

 

NOTA – A um texto publicado por Alexandra Freitas Moreira, no seu mural, em 07.09.2013

 

 

IMAGEM - Diego Rivera - "Gloriosa Vitória"

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 21:59
link do post | "poete" também! | favorito
|
36 comentários:
De poetazarolho a 8 de Setembro de 2013 às 00:15
“Filosofias”

Sociedade da especialização
Põe o mundo alienado
Pr’além da complicação
Vejo mesmo aqui ao lado

Nascer uma conspiração
Mas o filósofo inspirado
Saca da sua explicação
Decompõe cada bocado

Dessa mesma realidade
Tenta convencer a gente
Que o caminho traçado

É a mais pura verdade
Mas sê-lo-á realmente,
Ou o filósofo foi comprado?
De poetaporkedeusker a 9 de Setembro de 2013 às 20:55
"Filósofos ou "opinion makers"?"


"Filosofias" compradas,
"Tecidas por encomenda",
São pouco recomendadas
Pois levam sempre à contenda

Mas, facilmente encontradas
Onde alguém estiver "à venda",
Devem ser denunciadas
Por quem, pensando, as suspenda...

Há tanto comentador
A "fazer opinião"
Que, sem ter qualquer valor,

Por int`resse e pr`a louvor
De quem quer ter por "patrão",
Mais vale um "não-falador"!


Maria João


Segue com o meu abraço, Poeta!


De poetazarolho a 8 de Setembro de 2013 às 00:18
Sentado na ponte.
De poetaporkedeusker a 9 de Setembro de 2013 às 20:57
Também me vou sentar por lá...
De poetazarolho a 9 de Setembro de 2013 às 23:11
“Saímos do fundo”

Muito obrigado às gerações
De governantes excepcionais
Pelas suas demonstrações
De práticas governamentais

Por elas saímos do fundo
E ao fundo não voltaremos
Conquistaremos o mundo
Resgate não necessitaremos

Uma armada comercial
Irá invadir os mercados
Até ao oriente chegará

Seremos um outro Portugal
Ressalvando nos tratados
Que jamais se afundará.

Blog Not
De poetaporkedeusker a 9 de Setembro de 2013 às 23:38
Ninguém pode garantir
Que o país possa "boiar"
Se uma elite, ao dividir,
Fizer o mundo afundar,

Mas se, depois, se erigir
- do pouco que nos sobrar... -
Está garantido o porvir
Nesta força de o sonhar!!!

Se uma armada - desarmada
ou mesmo de armas na mão -
Souber "fazer-se avançada"

Na rudeza dessa estrada...
Só não queremos a ambição
E a força... desmesurada!


Maria João


Outro abraço, Poeta!


De poetazarolho a 9 de Setembro de 2013 às 23:16
Callas à ponte.
De poetaporkedeusker a 11 de Setembro de 2013 às 19:23
Vou agora!
De poetazarolho a 10 de Setembro de 2013 às 07:33
Chá smart.
De poetaporkedeusker a 10 de Setembro de 2013 às 13:13
Aproveito o Chá para deixar um aviso importante!!!

Acabo de ser informada de que circula na net um email em meu nome, de uma conta Yahoo que nunca utilizei, escrito num português "macarrónico", a pedir dinheiro - muito! - e a contar a estória gasta e "esfarrapada" de um assalto físico de que não fui vítima.





As autoridades serão alertadas. De momento fica o aviso a todos os "amigos" do Facebook. O pedido é um evidente e sujo acto de phishing.

Eu própria recebi, nas minhas caixas de correio, o "brilhante" pedido de "socorro". Segue o conteúdo;

"MUITO URGENTE!!!

Espero que recebe isso na hora. Viajei para Birmingham,UK e a minha bolsa /carteira foi roubado com o meu passaporte internacional,cartoes de creditos e telefone dentro. A embaixada vai me ajudar, me deixando viajar sem o passaporte. So tenho que pagar para o bilhete de aviao e a conta do hotel. O problema e que não tenho como acessar a conta sem os cartoes. O meu banco precisa de mais tempo para fazer outro para mim. Nessa situacao lamentavel, pensei em te pedir um emprestimo que pagaria assIm que volto. Preciso de £ 1200, preciso pegar o proximo voo. Seria bom se pode enviar o dinheiro atraves do Western union porque e a opcao melhor e mais rapido que tenho. Me deram um passaporte temporario na embaixada entao não teria problema nenhuma no western union quando voce manda o dinheiro que chegaria aqui em 20 minutos. Me desculpa qualquer incomodo, so que e mais conveniente para mim. Eu posso te mandar os detalhes como mandar o dinheiro se voce pode ajudar. Aguardo a sua resposta rapida. Maria João"

Maria João Brito de Sousa - 10.09.2013 - 12.18h
De poetazarolho a 10 de Setembro de 2013 às 21:34
“Ti Jacinto”

Mundo em câmara lenta
Surge após o crescimento
Só um alentejano aguenta
Este brusco decremento

Vamos voltar a cantar
Aquele cante sincopado
E depois vamos jantar
Um borrego bem regado

Na tasca do Ti Jacinto
Da adega vem o tinto
E o branquinho também

A seguir eu não desminto
Já me estou sentindo bem
Ou vendo bem já não sinto.
De poetaporkedeusker a 10 de Setembro de 2013 às 22:20
"Ai, essa indisposição..."


Espero não ter sido eu
Por lhe ter comunicado
O "ataque" que sofreu
O meu correio, coitado!

Seja o que for que lhe deu,
Pare já pr`a ser tratado
Que o correio, sendo meu,
Vai ser já desactivado!

Quem sabe, seria o vinho
- esse branco, esse tintinho... -
Que o fez sentir menos bem...

Vá, Poeta, muito "azinho",
Tomar um comprimidinho
E não ligue, hoje, a ninguém!


Maria João


Segue com o meu abraço, Poeta!
De poetazarolho a 10 de Setembro de 2013 às 21:36
O CANTE DO AVÔ CANTIGAS

NÓS ATÉ SABEMOS… MAS GOSTAMOS

P´los seniores orientados,
Alguns juniores da Nação,
Em chegando o fim do verão
Lá vão fazer seus mestrados

De cursos bem ministrados
Com justiça e rectidão,
Trazem os certificados
Das artes de charlatão.

Com critérios ajustados
São seus saberes aferidos
Para serem nomeados

Para os cargos destacados
Que ocuparão nos partidos
Por quem somos enganados.

EDUARDO
De poetaporkedeusker a 11 de Setembro de 2013 às 19:21
Que maravilha de sonetilho, amigo Eduardo!


(Eu não gosto! E digo-o!)

A UNIVERSIDADE DA FESTA!


Uma outra universidade
Lançou bem melhores raízes
E deixou-nos tão felizes
No seu rumo à liberdade

Quando, da própria vontade,
Elaborou directrizes
Que, depois, sem mais deslizes,
Transformadas na cidade

Que recebeu tantos mil,
Fez lembrar um novo Abril
E fez ressoar, de novo,

Na Carvalhesa final,
Esse sonho, esse ideal
De estar c`o povo e ser povo!


Maria João


Muito obrigada! Abraço grande para si e Maria dos Anjos!







De poetazarolho a 10 de Setembro de 2013 às 21:39
Für Elise na ponte.
De poetaporkedeusker a 10 de Setembro de 2013 às 22:39
Não posso lá ir agora, Poeta... vou tentar amanhã...
De poeta_extase a 11 de Setembro de 2013 às 03:28
É bom vê-la mostrar teus nobres versos, cara poetisa.
Sei que andas perseguida por abalos em tua saúde, mas teu estro é bem maior do que todos esses pequenos males.

ADÍLIO BELMONTE
Belém-Pará-Brasil.
De poetaporkedeusker a 11 de Setembro de 2013 às 17:34
Muito grata, poeta amigo!

Deixei, há uns tempos, numa destas caixinhas de comentários, um pedido de reenvio dos seus poemas que inadvertidamente extraviei... não estou segura de que tenha chegado até si...


O meu abraço!
De poetazarolho a 11 de Setembro de 2013 às 21:16
“Estado de empobrecimento”

O estado da união
Monetária e financeira
Mostrado na televisão
Já esta quarta-feira

Apela à confiança
Que devemos inspirar
Ao mundo da alta finança
Pr’a no clube continuar

Devemos empobrecer
E mostrar muito juízo
A quem nos está a tutelar

Se não estás a perceber
Quando sentires o prejuízo
Já não será preciso explicar.

Prof Eta
De poetaporkedeusker a 11 de Setembro de 2013 às 21:38
"E o final... infeliz..."

Vénias e mais curvaturas
Da coluna vertebral,
Pressupõem ditaduras
Dos senhores do capital

Mas, neste clube, em verdade,
Só apela, exactamente,
À submissão da vontade
De todos... de toda a gente!

Se este Estado empobrecido
Se mostrar fraco e vencido
Diante dos seus "tutores",

Teremos, não tarda nada,
De ir todos "pedir pr`á estrada"
Pr`a, depois, dá-lo aos senhores...


Maria João

Segue com o meu abraço, Poeta!




Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. SEGUINDO UM DESAFIO DO PO...

. SEM GARANTIAS

. CONVERSANDO COM ALDA PERE...

. DEUSES SOMOS NÓS!

. NATAIS DOS TEMPOS IDOS...

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. GLOSANDO MARIA DA ENCARNA...

.arquivos

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds