.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Quarta-feira, 15 de Maio de 2013

SEI DE UM TEMPO ou Mais Um Soneto de Abril

 

 

(Soneto em verso eneassilábico)

 

 

Sei de um tempo em que as horas sorriam

Transmutando os seus ramos caídos

Pelo peso das flores que nasciam

Das sementes dos cinco sentidos

 

No reflexo da cor que exibiam

E, ao torná-los em rifles floridos,

Nesse apelo que as flores emitiam,

Davam fruto entre os frutos nascidos…

 

Sei de um tempo que um dia acordou

De uma noite de medo e cantou

Como as aves que lavram caminhos

 

No mesmíssimo tempo em que “eu sou”

Neste pouco de Abril que sobrou

Da voragem de uns seres mais mesquinhos…

 

 

 

Maria João Brito de Sousa – 06.05.2013 – 11.24h

 

NOTA – Revoltemo-nos, porra!

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 13:33
link do post | "poete" também! | favorito
|
20 comentários:
De jabeiteslp a 15 de Maio de 2013 às 14:14

Seria o ideal
Mas como as coisas estão
Lixavam-nos até ao ultimo tostão
na invasão...

uma bela tarde a um poetar sem igual
De poetaporkedeusker a 15 de Maio de 2013 às 14:24
Mas vai ter de ser mesmo assim, Anjo! Vão-nos lixar até à alma, se não nos soubermos revoltar e ultrapassar desavenças! Teremos de empenhar-nos muitíssimo numa luta organizada, acredita... e pena tenho eu de estar tão diminuída em termos de saúde física!!!
De jabeiteslp a 15 de Maio de 2013 às 14:40

Acreditar em quem ? e seguir a onda ?

De poetaporkedeusker a 15 de Maio de 2013 às 14:50
A onda vem de qualquer maneira... não me digas que ainda não percebeste isso? Está no seu início, apenas...
De jabeiteslp a 15 de Maio de 2013 às 14:51
Eleições acredito...
De poetaporkedeusker a 15 de Maio de 2013 às 14:58
Também, ao que se está a ver... mas não é dessa onda que eu falo... é de outra de proporções gigantescas que se prepara para engolir e devolver à mais desumana escravidão mais de três quartos da humanidade. É contra essa mesma onda que eu levanto a minha voz! De qualquer forma não se pode parar assim, de fora apenas, todo um sistema cheio de "inevitabilidades" - para o pobre e para o trabalhador... - como é o capitalista. Terá de ser combatido em todas as frentes... olha, é como um incêndio...
De jabeiteslp a 15 de Maio de 2013 às 17:03

Acredito sim que a nível Global se limem algumas arestas,
mas o fascismo ou capitalismo baralha muita gente...

não vejo como a "onda" possa fazer algo...

que elucidemos, aos poucos iremos...penso eu...

uma grande e feliz tarde Maria João
De poetaporkedeusker a 15 de Maio de 2013 às 17:46
O capitalismo virá a desembocar, muito fatalmente, em fascismo, tens toda a razão... é essa a sua verdadeira face... esta "onda" de eleições? Pois, o que nos tem aguentado tem sido, sobretudo, o trabalho que se vai conseguindo fazer na AR... mas... no estado a que as coisas chegaram, tudo acabará por se vir a desenrolar de outra forma... ou veremos institucionalizada a verdadeira "carinha" do sistema capitalista... ela assoma todos os dias, Anjo... e não é nada bonita de se ver!
De jabeiteslp a 15 de Maio de 2013 às 21:51
espero é que os nossos da Praça
não nos vendam um dia
a algum milionário que por aqui apareça...

feliz noite pá malta toda (quadrupedes)
e pra ti em especial
De poetaporkedeusker a 15 de Maio de 2013 às 22:13
Ahahahah... olha que... já esteve mais longe, já...
De jabeiteslp a 16 de Maio de 2013 às 08:21


um belo dia pra ti
De poetaporkedeusker a 16 de Maio de 2013 às 12:34
Belo dia também para ti, Anjo!
De golimix a 15 de Maio de 2013 às 22:04
Minha querida poeta quem dera que todos tivessem a coragem de suas palavras e a força que elas emitem. Não precsa de força física para lutar, para dizer basta, para gritar que já chega de tanta idiotice.


Tal como escrevi há pouco no Blogue, eu não me decepciono com as ideias e atitudes absurdas do Governo Passos, ele simplesmente está a ser aquilo que é e a ser fiel às suas ideias. O povo português? Esse sim, decepciona-me e envergonha-me. Ao deixar que lhe tirem anos de conquistas com a bem aproveitada desculpa da crise. Não me convecem. A mim não!

Seremos trucidados até ao fim. Isto culminará num país mais pobre, com pessoas desmotivadas, infelizes no seu trabalho e consequentemene frustradas. Sem acesso a cultura e com iletracia. Educação de rastos, direito à saúde só para quem pode pagar, famílias desmembradas com alguns de seus membros nas oportuniddes criadas pelo desemprego fora do seu país.

Desculpe minha poeta, mas perdi a fé neste povo!

De poetaporkedeusker a 15 de Maio de 2013 às 22:19
Ai, Golimix... eu ainda não... mas sei que já não será para eu ver aquilo que "ainda" espero do meu povo

Vou ver o teu "tento"!
De poetazarolho a 15 de Maio de 2013 às 23:18
“Direito à não indignação”

O corte foi decretado
A dignidade amputada
Não sobra nem bocado
Dessa ferida gangrenada

O funeral encomendado
Pr’á gente envergonhada
A vergonha por seu lado
Acabou assim esgotada

E no mundo sem vergonha
Almas foram esquartejadas
Do corpo houve separação

Sem que ninguém se oponha
Ao fogo foram lançadas
E não se viu indignação.
De poetaporkedeusker a 16 de Maio de 2013 às 12:44
DIREITO À REVOLTA!

Já o rei vai desnudando
Suas opulentas vestes
E, decerto, um dia destes,
Muito em breve, nem sei quando,

Irá o povo clamando
Por dias menos agrestes
E dirá; - Vós nos perdestes!
Vossa ambição, vosso mando!!!

E sempre que um povo acorda
Do tal sono e nele transborda
Uma tão grande insurgência,

Não há prisão nem há corda
Que os previna de que ele morda
Sem mostrar qualquer clemência!!!


Maria João Brito de Sousa


Com o meu abraço grande, Poeta!
De poetazarolho a 15 de Maio de 2013 às 23:21
Loucura na ponte.
De poetaporkedeusker a 16 de Maio de 2013 às 12:19
Há muita, por aí, há, Poeta. Vou ver a da Ponte!
De poetazarolho a 16 de Maio de 2013 às 07:22
Estatística no chá.
De poetaporkedeusker a 16 de Maio de 2013 às 12:30
Vou, agora, ao Chá!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. SEM GARANTIAS

. CONVERSANDO COM ALDA PERE...

. DEUSES SOMOS NÓS!

. NATAIS DOS TEMPOS IDOS...

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. GLOSANDO MARIA DA ENCARNA...

. CONVERSANDO COM O POETA A...

.arquivos

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds