.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Quinta-feira, 13 de Janeiro de 2011

SEMPRE E NUNCA MAIS

 

... e, de então em diante, o Universo,

Como se por magia se calasse,

Roubar-me-ia todo e qualquer verso

Que pela vida fora eu encontrasse

 

Deixando-me, na troca, o seu inverso,

Negando-se, fugindo ao novo enlace...

O resto todos sabem... se é perverso

Melhor fora um poema que o negasse...

 

Do rebanho que guardo ou como o faço,

A ninguém devo contas ou promessas,

Senão a quem me fez tal como sou!

 

De tudo o que nasceu deste cansaço

Nas horas a que já nem deito meças,

E ao que está por nascer... Deus mo legou!

 

 

 

Maria João Brito de Sousa

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 11:42
link do post | "poete" também! | favorito
|
12 comentários:
De averse a 13 de Janeiro de 2011 às 15:04
Um poema com vida...
E estas fotos antigas!!! são mesmo espectaculares...
De poetaporkedeusker a 13 de Janeiro de 2011 às 15:29
Obrigada, Averse! Eu sei que tenho mais de mil fotos nos meus álbuns do sapo, mas não tenho acesso a ele neste momento e desde há alguns meses. Se clicar sobre a foto, vai lá ter... a não ser que também esteja num serviço público com filtros de acesso :)
Não estão nada bem organizadas, por falta de tempo e agora por impossibilidade total, mas algumas são mesmo muito antigas.
Abraço!
De averse a 13 de Janeiro de 2011 às 15:43
sempre que vejo assim fotos mesmo antigas de meus familiares, é automático, parece que nasce a acção na minha cabeça :D:D e revejo, qual narrador, todo o contexto em que foi tirada, invento à minha maneira quero eu dizer, :D
tenha uma optima tarde
De poetaporkedeusker a 13 de Janeiro de 2011 às 15:49
Isso é óptimo, Averse! E é um privilégio! Nem todos têm essa capacidade que eu partilho e muito admiro!
Um abraço!
De averse a 13 de Janeiro de 2011 às 16:02
Privilégio!?!? Nunca vi assim... apenas como uma situação engraçada, que me dá um certo goso...
aiii... que agora me deixou a pensar :D :D
De poetaporkedeusker a 13 de Janeiro de 2011 às 16:08
Eu considero uma situação privilegiada tudo aquilo que podemos fruir e que a maioria dos da nossa espécie não consegue... quando era pequenina também não via certas coisas como privilégios, mas depressa percebi que eram mesmo! ;)
De averse a 13 de Janeiro de 2011 às 16:28
É de opinião que esta situação não acontece com toda a gente, ou pelo menos muita gente?
Sou mais de ideia que acontece... mas as pessoas não o expressam porque não dão valor, embora tenha centrado a questão em "fruir", se não derem valor não existe fruir :D :D :D tou a dar um nó no cerebro
mas também, eu já não sou pequenino, mas ainda não sou assim graaannde :D
De poetaporkedeusker a 13 de Janeiro de 2011 às 17:03
Não sei... quando era pequenina - uns 5 ou 6 anos - andava feita "inquisidora" de volta dos meus companheiros, a ver se :)) algum ou alguma tinham este tipo de "privilégios"... aquele das cores associadas aos números, às letras e às palavras todas era um daqueles em que eu insistia particularmente. Deve-me ter ajudado a explicar-me com alguma clareza, porque eu lembro-me muito bem de tentar e de formular as perguntas de forma a torná-las acessíveis... mas não obtive resultados positivos uma única vez... no início, sei que fiquei preocupada mas, com o tempo, fui descobrindo que era muito bom! Claro que me fazia pensar muito mais, mas só dava bons resultados... optei por acreditar que era mesmo um privilégio! :)) E continua porque o tal "fenómeno" não desapareceu com os cabelos brancos :))
Abraço gde!
De averse a 13 de Janeiro de 2011 às 17:58
5 ou 6 anos!!! tá explicado :D
a minha percepção não chega a tanto... :(
concordo com uma coisa, pensar mais dá bons resultados
e que agradavel conversa
Abraço!
De poetaporkedeusker a 14 de Janeiro de 2011 às 11:22
Olá, Averse :) Obrigada!
Hoje o Poetaporkedeusker faz três aninhos e eu não lhe vou "fazer as honras" com um soneto... parece-me que aquela nossa conversa de ontem, sobre as minhas "matutações" de infância, acabou por dar frutos, mas não me nasceram em decassílabo heróico:)
Nasceram-me umas sextilhas e é com elas que eu vou fazer o post do terceiro aniversário :)
Abraço gde!
De Landa a 13 de Janeiro de 2011 às 15:52
Dizer que gostei do poema é pouco
Adorei
Também gostei muito das fotos. Muito interessantes. Esta está um encanto. A luz que vem de trás e se espelha no mar é uma maravilha
Espero que estejas melhor
Um beijinho grande
De poetaporkedeusker a 13 de Janeiro de 2011 às 16:05
Obrigada, Landa! :) Estou "com mais olhos do que barriga" :)) ... quer isto dizer que estou com mais "vontade" do que "capacidade"... mas isso já vai sendo uma característica minha :)
Abraço grande!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. SEGUINDO UM DESAFIO DO PO...

. SEM GARANTIAS

. CONVERSANDO COM ALDA PERE...

. DEUSES SOMOS NÓS!

. NATAIS DOS TEMPOS IDOS...

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. GLOSANDO MARIA DA ENCARNA...

.arquivos

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds