.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Segunda-feira, 15 de Novembro de 2010

SÁBADO, DOMINGO E SEGUNDA FEIRA XXI

 

 

 

FORÇA

 

 

Vem-nos, a força, duma alma crestada

Por átomos solares, irracionais,

E, às vezes, conseguimos fazer mais

Quando julgámos não poder mais nada…


Vem impossível, mais do que adiada

- à luz das resistências mais normais -

Reencher-nos de sonho o velho cais

Da barca eternamente naufragada


Virá de onde diríamos não vir

A mais remota sombra de um auxílio;

Improvável, absurda e, no entanto,


Vem como se quisesse destruir

As fronteiras reais do nosso exílio

Pr`a vir morar connosco em qualquer canto…

 

 


Maria João Brito de Sousa – 13.11.2010 – 13.42h

 

 

 

DO LADO DE CÁ

 

 

Deste lado de cá, está tudo instável!

Se eu abrandar, fazendo o que puder,

Talvez me sinta bem, mais confortável,

Mais pronta pr`a criar e pr`a escrever…


[do outro lado há dor insuportável

que nem sequer me deixará escolher

se eu lhe mostrar fraqueza incontestável

ou der quaisquer sinais de me render…]


Do meu “lado de cá” – alguns não são

Tão esdrúxulos quanto o é este daqui… -

Há sempre algo de mim que, em mim, resiste,


Algo que não aceita a submissão,

Algo que, ao dar a volta sobre si,

Se revolta, ultrapassa e não desiste.

 

 


Maria João Brito de Sousa – 12.11.2010 – 18.55h

 

 

 

POETA/MENINO

 

 

Morreu na convergência dos seus dias.

Ninguém diria dele que houvesse errado,

Que tivesse mentido ou descurado

A concretização das fantasias


Tinha, por vezes, dores, melancolias,

Mas fora, sobretudo, abençoado

Com um carácter tão determinado

Quanto o dos homens sãos, sem vilanias.


Morreu na hora certa, como morrem

As aves, os heróis e as ondas mansas

Que cumprem, neste mundo, o seu destino.


Diria; “Fui daqueles que mais descobrem

Os sonhos, por detrás de outras crianças,

Na condição de ser sempre menino…”

 

 

 


Maria João Brito de Sousa – 14.11.2010 – 17.01h

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 14:31
link do post | "poete" também! | favorito
|
4 comentários:
De Peter a 18 de Novembro de 2010 às 19:30
Estes poemas andam muito profundos, poetisa!!! Bonitos e plenos de coisas!
bacio.
De poetaporkedeusker a 19 de Novembro de 2010 às 12:19
E é que andam mesmo, Peter! Eu tenho sempre a cabeça cheia de coisas que constantemente analiso e tendo a ir-me esquecendo do que escrevi antes... estes seus comments fizeram-me reler-me e reparar que, efectivamente, andei a viver uma semana muito... muito filosófica :))
O soneto de hoje é muito... embirrento:) Ontem à noite estava zangada com o meu corpo "empenado" e lembro-me de ter tomado a decisão -pontual! - de não pensar :))) durante uns tempos! Sei que é impossível, mas deu-me para aquilo :)))
Muito obrigada e bacini!
De Peter a 19 de Novembro de 2010 às 19:10
refletem sempre o nosso estado de alma.
ás vezes mais, outras menos... há dias !!!
De poetaporkedeusker a 22 de Novembro de 2010 às 12:12
:)) Todos temos os nossos dias... também não conheço poeta nenhum que tenha estipulado este tipo de produção - um soneto por dia - mas eles lá vão cumprindo o seu papel enquanto poemas. Pelo menos eu acredito que sim...
Bacini!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. GLOSANDO JOÃO MOUTINHO

. GLOSANDO A POETISA MARIA...

. INFILTRAÇÔES

. O POEMA E EU

. CALADA

. GLOSANDO MARIA DA ENCARNA...

. GLOSANDO HELENA FRAGOSO I...

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds