.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Quinta-feira, 28 de Outubro de 2010

SONETO TAPA-BURACOS [por ter-me esquecido da pen com o soneto de hoje...]

 

Dos lapsos de memória que vou tendo

Há uns que fazem "mossa" e me colocam

Muito mal, nos deveres a que me prendo,

E que, a muitos de vós, também vos tocam!

 

Tudo isto pr`a dizer que me esqueci

Da "pen" onde escrevi os meus poemas,

Que nem sequer me lembro onde a meti,

Nem sei como resolva estes problemas!

 

Estou cansada demais para ir a casa

E por-me a procurar por toda a parte...

Cá fica um sonetito "esburacado"

 

Pr`a que este desconforto que me arrasa

Se possa diluir num pouco de "arte"

E... perdoem-me a falta de cuidado...

 

 

 

Maria João Brito de Sousa, ao correr das teclas :(

 

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 11:41
link do post | "poete" também! | favorito
|
4 comentários:
De a 28 de Outubro de 2010 às 12:04
Olhe eu nem tenho palavras!!!
Está simplesmente fantástico.
Beijinho
De poetaporkedeusker a 29 de Outubro de 2010 às 11:05
:)) Obrigada, Fá! Valha-nos o bom humor que vai aparecendo para que os "desastres" se tornem menos... desastrados :)) Hoje, ao menos, desapareceu a bendita página vermelha que ontem me impedia de entrar no poetaporkedeusker... que estava infectado por software malicioso, dizia ela e, como se não chegasse, lá vinha o enorme sinal de proibido... mas, desta vez, houve quem visse! Não corro o risco de pensar que tive uma alucinação :))
Oh, Fá! Eu hoje estou que nem um pintainho saído do ovo! Toda a minha roupa está encharcada e a carteira até pinga! Ao pé do Pingo Doce estava tudo inundado. As minhas botas são daquelas de montanha, com dois dedos de altura de sola, e mesmo assim andaram debaixo de água que foi uma desgraça! Seria o dia de irem montar a antena lá do prédio, mas só o Aquaman seria capaz de uma proeza dessas :))
Esperemos que a chuva abrande um pouco, senão estou a ver que vão haver muitas inundações...
Um abraço grande, grande e desculpe esta narrativa toda...
De M.Luísa Adães a 28 de Outubro de 2010 às 16:12
Está muito bom o que escreveste.

És um glamour!

Obrigada pela tua presença no google mais do que amiga.

Se possível, te encontro nos prémios com Dalí. Me parece bastante interessante!

Obrigada antecipado,

Mª. Luísa
De poetaporkedeusker a 29 de Outubro de 2010 às 11:09
Olá, Maria Luísa! Aqui estou, molhada que nem um pintainho, a tentar cumprir a minha promessa de um soneto por dia :)) Não sei como estará aí, na Arrábida, mas aqui está tudo inundado!
Vou já ter contigo aos prémios!
Bjo!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. A SEREIAZINHA

. CALEIDOSCÓPIO

. DEPOIS DA MARÉ-CHEIA...

. UM MOSQUITO NO COPO DO LE...

. UM MOSQUITO NO COPO DO LE...

. RUGA A RUGA

. GLOSANDO ALBERTINO GALVÃO...

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds