.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Quinta-feira, 30 de Setembro de 2010

CANTO DE UMA ANTIQUÍSSIMA MEMÓRIA

 

Lembras-te dos caboclos, já cansados,

Enchendo a escadaria de queixumes?

Dos carregos dos móveis, mal atados,

De arestas afiadas como gumes?


E lembras-te de mim que, aos castigados,

Enchia de perdões, dando perfumes?

A pena que eu senti dos desgraçados

A quem tu foste impondo os teus costumes…


Lembras-te do escritório, dos teus quadros,

Da enorme cozinha onde as mulatas

Preparavam segredos culinários


E cantavam baixinho aos seus amados?

Lembras-te do brilhar das velhas pratas

Por cima da janela e dos armários?

 

 


Maria João Brito de Sousa

 

 

Imagem retirada da internet

 

 

"Le philosophe, lorsqu`il n`a pas de motif pour juger, sait rester indeterminé"

 

DIDEROT

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 12:05
link do post | "poete" também! | favorito
|
9 comentários:
De Maria Helena a 30 de Setembro de 2010 às 17:02
Olá M. João!
É maravilhoso quando Deus nos capacita a escrever poesia. Eu sempre tentei fazê-lo, mas sinto-me melhor a prosear!
Vou visitar mais vezes os seus belos poemas.
Beijinhos
De poetaporkedeusker a 30 de Setembro de 2010 às 17:50
Muito obrigada, Maria Helena! Eu acredito que tenho um dom... bem, é um "donzinho":) mas eu sei que é através dele que me devo cumprir. Também desenho com muita criatividade, desde muito pequenina mas, neste momento, estou sem material e sem força física para pintar. Pintar é um exercício que tem muito, muito de físico! Pelo menos a forma como eu sempre pintei, é quase uma " dança " com o papel ou a tela :) e só assim vale a pena eu pintar, Maria Helena. Desenhar meia dúzia de coisas bonitinhas, não me diz absolutamente nada.
Abraço!
De M.Luísa Adães a 30 de Setembro de 2010 às 17:06
Posso perguntar?

Donde vem esta memória? Estiveste tão longe? Quem diria...

Estou melhor, hoje e te vim visitar.
Mas o soneto me parece que não queria acabar

Que se passa? Estendias o soneto noutro
soneto. Ele não se sentiu terminado!

Mª. Luísa

Maria Luísa
De poetaporkedeusker a 30 de Setembro de 2010 às 17:44
É muito imaginativo, amiga, muito embora eu tenha tido antepassados no Brasil, que viveram em condições similares e cujas narrativas foram chegando até mim através da oralidade e também de cartas muito antigas.
E tu? Como vai a tua coluna? Sabes que o CJO está quase a encerrar...
Abraço gde!
De M.Luísa Adães a 30 de Setembro de 2010 às 18:04
Mª. João

Não deixaste comments no google - Nudez -

Que é o CJO que vai fechar? Me parece que é a biblioteca onde escreves.

Fica para amanhã! Eu espero sempre por ti!

Mª. Luísa
De poetaporkedeusker a 1 de Outubro de 2010 às 10:24
Sim, Maria Luísa, é o Centro de Juventude de Oeiras, onde eu acedo à internet. Eu sou sempre a última a sair e; às vezes, abuso... ontem foi mesmo até me pedirem para sair :)
Irei hoje ao teu blog do Google, sem falta.
Abraço grande!
De poetaporkedeusker a 30 de Setembro de 2010 às 17:54
Eu estive hoje no teu blog, mas não me consigo recordar se comentei ou não... há coisas em que estou mesmo muito desmemoriada, sabes?
Se me surgir uma linha de continuidade para este soneto, prometo-te publicá-la.
Vou ver se ainda consigo ir ao Prémios!
Abraço e a continuação das melhoras!
De linhaseletras a 30 de Setembro de 2010 às 23:09
Este seu soneto fez-me viajar até há uns anos atrás quando eu via as novelas brasileiras, entre elas a "Cabocla"aquelas cenas dos escravos e da " menina" muito boazinha que ajudava os escravisados.
Gostei muito.
Um abraço
De poetaporkedeusker a 1 de Outubro de 2010 às 10:27
Ora aí está! Eu nunca fui de ver telenovelas, mas também pode ser uma boa maneira de nos fazer viajar no espaço e no tempo... e eu tive, efectivamente, familiares que por lá viveram no final do século XIX, princípios do XX.
Um grande abraço!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. A MEDALHA E O DIPLOMA - ...

. INFORMAÇÃO A TODOS OS AMI...

. SONETO A PRETO E BRANCO

. GLOSANDO A POETISA MARIA...

. O VIGÉSIMO SEXTO DIA

. SÁBADO, DOMINGO, SEGUNDA ...

. MEMÓRIA(S) DO NÁUFRAGO-PE...

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds