.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Segunda-feira, 27 de Setembro de 2010

SÁBADO, DOMINGO E SEGUNDA FEIRA XIX

 

 

FICCIONANDO

 

 

Eu amo a Poesia e a Verdade

E o meu pior pecado é não mentir…

Ficcionar? Tudo bem, mas permitir

Que a ficção venha a ser realidade!


Ficcionando eu alcanço a liberdade

- tanto quanto eu a posso pressentir –

E dela não me quero redimir

Nem dela me afastar pela vontade!


Veloz, a poesia, me precede

E eu sigo atrás dela e nunca hesito

Em chegar onde alcança um simples verso…


Uma mesma vontade nos persegue;

Tentar ir `inda além do infinito

E conhecer, depois, outro universo…

 


Maria João Brito de Sousa – 26.09.2010 – 15.32h

 

 

 

I`M EVERY WOMAN...

 

 

Eu sou cada mulher que vai morrendo

Com um filho adormecido nas entranhas,

Cada gesto do grito em que me acendo

Ensanguentando os cumes das montanhas.


Por cada uma delas me apedrejam,

Por cada uma delas ressuscito,

Por cada uma exijo que me vejam

E reafirmo aquilo em que acredito


Eu sou cada mulher e ela também!

Sou filha, companheira, amante e mãe

De cada pulsação desse teu peito!


Sou quem te complementa e ultrapassa,

Animal feito dessa mesma massa

De que tu, afinal, também és feito!

 

 


Maria João Brito de Sousa – 26.09.2010 – 14.34h

 

 

 

FADO [MUITO] MALANDRO

 

 


Era noite, rompia a madrugada

Com a Lua já quase a adormecer,

Quando, enfim, acordei, alvoroçada,

Porque o Sol estava já quase a nascer


Veio a Lua encontrar-me ali deitada,

Olhando para ti, já sem te ver,

Jurando não te querer nada de nada

Pois sempre que te quis foi só “por querer”…


Ouviam-se uns acordes de guitarra

E o dia acontecia sem saber

Se a Lua se deitara amargurada


Porque o Sol começara a enrubescer

Ou se, ao invés, se rira à gargalhada

De tudo o que ali estava a acontecer…

 

 


Maria João Brito de Sousa – 25.09.2010 – 22.39h

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 11:44
link do post | "poete" também! | favorito
|
6 comentários:
De linhaseletras a 27 de Setembro de 2010 às 14:10
Boa tarde Maria João, parece que já está melhor, pelo menos é o que eu sinto nestes sonetos ,muito bonitos por sinal como sempre.
Bom inicio de semana
De poetaporkedeusker a 27 de Setembro de 2010 às 14:36
Olá, Idalina! Um bom início de semana também para si! Estou melhor "por dentro" :)) porque "por fora", estou cheia de febre, com umas dores de cabeça insuportáveis e algumas cólicas... mas, mais ou menos atrapalhada, o certo é que poetei e muito! Infelizmente já não consegui nem sequer ler as histórias todas da Fábrica, por isso ficou o texto por fazer... estou a ver se me aguento até à próxima segunda feira, dia em que tenho consulta hospitalar.
Um grande abraço e obrigada!
De jabeiteslp a 27 de Setembro de 2010 às 21:07

ai ui ai ai que nem sei que dizer
tento
e reconhecer decerto me reconheço
nesse teu 1º verso
nesse teu mais alem como só sabe quem...

bigada pela visita
um xoxo grande da Covilhã dos calhaus






De poetaporkedeusker a 28 de Setembro de 2010 às 11:13
Caramba, amigo! Eu posso parecer muito maluca - e se calhar sou mesmo... - mas tenho uma enorme paixão pelos calhaus do nosso norte! O meu pai também tinha! Agora tenho só dois ou três em casa, mas houve tempos em que chegava a levar sacos cheios de calhaus só para poder vê-los todos os dias e tê-los perto de mim.
Abraço grande e muito obrigada pela visita!
De jabeiteslp a 28 de Setembro de 2010 às 14:09

a melhor das tardes
uma a quem de o ser

loucuras de calhaus sempre encontrados
rebolados sentidos despidos
em urze afanados
serão momentos conseguidos...




De poetaporkedeusker a 28 de Setembro de 2010 às 14:30
Um grande sorriso também para si, amigo!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. A SEREIAZINHA

. CALEIDOSCÓPIO

. DEPOIS DA MARÉ-CHEIA...

. UM MOSQUITO NO COPO DO LE...

. UM MOSQUITO NO COPO DO LE...

. RUGA A RUGA

. GLOSANDO ALBERTINO GALVÃO...

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds