.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Domingo, 30 de Agosto de 2015

FÓRMULA

Arca de Noé 2.jpg

 

 

(Soneto em decassílabo heróico)



E anima-se a matéria criativa

até ao ponto exacto e necessário

para que nasça, enfim, matéria viva

do que, antes, parecera o seu contrário...



E cresce, a cada dia mais activa,

não pára de fluir de modo vário

na direcção daquilo que a motiva

pr`a desaguar, por fim, no seu estuário...



Digo, porém, que não será cativa

da força de algum ponto estatutário,

nem verga à reprimenda punitiva,



Porque é pertença do mais rico erário

duma Arca que flutua e que anda à d`riva

no rio do nosso humano imaginário...





Maria João Brito de Sousa - 29.08.2015 - 17.56h





NOTA - Esta Fórmula, ou como lhe entendam chamar, aplica-se às línguas - todas elas! -, mas não só...

 

 

 

 

publicado por poetaporkedeusker às 10:59
link do post | "poete" também! | ver poetices (25) | favorito
|
Sexta-feira, 7 de Agosto de 2015

ROSA DE HIROSHIMA

cogumelatomico.jpg

 

(Soneto em decassílabo heróico)



Obscenamente bela, a flor letal

que abrasara a cidade de Hiroshima,

rasga o céu sobre um eixo vertical

ao plano destroçado onde se anima



E vibra e desabrocha e colossal

se expande numa rosa que, assassina,

derruba, carboniza e, por igual,

colhe a vida do velho e da menina...



Mas morre-me a palavra à flor dos dedos

que mais vos não dirão, mudos de espanto,

teimando em não falar dos seus segredos,



Depois de vislumbrado o frágil manto

com que o tempo velara antigos medos...

Pr`a todo o sempre, espero... ou por enquanto?





Maria João Brito de Sousa – 06.08.2015 – 22.56h

publicado por poetaporkedeusker às 00:12
link do post | "poete" também! | ver poetices (41) | favorito
|
Segunda-feira, 3 de Agosto de 2015

JULGAMENTO(S)

images (30).jpg

  

(Soneto em decassílabo heróico)

 

… e quando mais não pode e só comeu,
de véspera, o pão duro, amanhecido,
das sobras que outro alguém lhe ofereceu
apesar de o não ter, sequer, pedido,

 

E quando toda a esp`rança já perdeu
porque lhe foi negado o seu sentido
e apenas sobra a cinza do que ardeu
depois de com seu esforço o ter erguido,

 

E quando o próprio sonho já esqueceu,
sem ter vaga noção de o ter esquecido,
nem longínqua memória do que ergueu,

 

Então, porque o apontas, convencido
de podê-lo julgar num gesto teu,
se condenado foi, quando traído?

 

 

Maria João Brito de Sousa – 22.07.2015 – 12.55h

 

Imagem - "Os Retirantes", Portinari

publicado por poetaporkedeusker às 22:05
link do post | "poete" também! | ver poetices (10) | favorito
|

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. CHUVA

. CONVERSANDO COM JOSÉ SARA...

. A ARCA DE FERRO

. PORQUE O CÉU NÃO TEM LIMI...

. NEM VIVA, NEM MORTA...

. "UPSIDE DOWN"

. SONETO BÁRBARO

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds