.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Quinta-feira, 8 de Abril de 2010

OLHAR PARA TRÁS, SEGUINDO EM FRENTE

 

Olhei-te e, nesse olhar que vem de dentro,

Descobri forças e fragilidades,

Amores, desilusões, cumplicidades,

Nas mil nuances desse humor cinzento…

 

É nesse teu olhar que agora enfrento,

Que eu, que não sei dizer senão verdades,

Descubro o intruso gérmen das saudades

Desabrochando em verbo e sofrimento.

 

Mas o tempo passou. Cristalizado,

Foi ficando p`ra trás esse passado

Quando lançada à terra outra semente

 

E quero lá saber que o resultado

Me possa até magoar! Maior pecado

Seria andar p`ra trás, olhando em frente.

 

 

 

 IMAGEM - MENINA LOROSAE, Maria João Brito de Sousa, 1999 (vendido)

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 11:56
link do post | "poete" também! | favorito
|
8 comentários:
De linhaseletras a 8 de Abril de 2010 às 20:11
Que belo soneto e que linda menina numa linda "pose" já dava para ver que tinha muita personalidade.
E parece que já era Poeta nesta idade, e que já sabia que o caminho é sempre em frente por mais doloroso que seja.
Um abraço.

De poetaporkedeusker a 9 de Abril de 2010 às 12:07
Já era, sim senhora, minha amiga. Com esta idadezinha já poetava, já declamava, já lia e já pintava. A minha mãe preocupava-se porque eu, de vez em quando, fechava-me neste olhar "de quem já viveu muitos anos", mas o meu avô não se preocupava mesmo nada! Ele lá sabia que era mesmo assim.
Hoje estou atrasadíssima porque estive a fazer mudanças nas gaiolas dos pombos. Herdei uam gaiola de caturras, daquela minha prima que partiu quando o Spirit partiu também.
Um enorme abraço!
De alfa a 9 de Abril de 2010 às 01:30
Que foto maravilhosa, Maria João e um soneto a combinar. bjs
De poetaporkedeusker a 9 de Abril de 2010 às 12:09
Obrigada, Alfa :)
Estamos a ficar um bocadinho afastadas, não é? Eu já não consigo inventar tempo para preencher tantas solicitações, mas vou tentar dar um pulinho até aí, da parte da tarde. Comentar é que eu não posso prometer... não dá mesmo!
Bjo!
De poetabrasil a 9 de Abril de 2010 às 02:10
Olhar! O olhar dos poetas sobre os horizontes da vida. Que beleza! O ontem, o hoje, o amanhã num só poema. Tudo traduzido em saudade e amor.
E assim os poetas se vão pela vida como os poemas de Maria João.
De poetaporkedeusker a 9 de Abril de 2010 às 12:11
Obrigada, meu irmão do Brasil.
Sinto muito pelo deslizamento de terras que vitimou os seus conterrâneos. Este ano está a ser pródigo em desastres naturais, infelizmente.
Um enorme abraço.
De poetabrasil a 9 de Abril de 2010 às 14:16
O problema dos deslizamentos dos morros no Rio de Janeiro é tragédia que se repete.
A incúria é do poder público, que aqui é mais utópico do que real, se impõe. Mas o erro maior são dos ocupantes dos morros que fugindo à regra natural edificaram suas casas sob as encostas e na base das elevações em vez de construi-las sobre a rocha, no alto.
Lamenta-se, mas o homem procura o seu próprio destino.
De poetaporkedeusker a 9 de Abril de 2010 às 14:45
Imagino que em certas zonas seja praticamente impossível controlar ou impôr normas de construção... mas, sim. Infelizmente o homem esquece-se de edificar sobre a rocha. Em todos os sentidos.
Abraço grande.

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. GLOSANDO JOÃO MOUTINHO

. GLOSANDO A POETISA MARIA...

. INFILTRAÇÔES

. O POEMA E EU

. CALADA

. GLOSANDO MARIA DA ENCARNA...

. GLOSANDO HELENA FRAGOSO I...

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds