.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Segunda-feira, 29 de Março de 2010

SÁBADO DOMINGO E SEGUNDA FEIRA VIII

 

 

A HORA DO SORRISO

 

 

Tendo a vida virada do avesso

E estando já tão perto da partida,

Tenho, afinal, aquilo que mereço

Porque assim se define a própria vida

 

E, se a glória vier, caso demore,

Que nunca tenha pressa de chegar,

Só para que, depois, ninguém me chore

Apenas por fingir saber-me amar.

 

Agora, se sorrir, estarei mentindo

Porque me dói, no corpo, a alma inteira,

Porque me assumo humana e pecadora…

 

 

 

UMA TAREFA LENTA...

 

 

Não tenho tempo, irmãos, que o Tempo voa…

Quem vê, na Poesia, a distracção,

Não é Poeta e nunca foi senão

Mais um que por aí verseja à toa…

 

Lá longe, muito ao longe, o verso ecoa,

Aproxima-se mais, pede atenção

E eu já lhe não sei dizer que não

Quando, vindo de longe, em mim ressoa…

 

Flutua e vai pousar… eu fico atenta

E espero o exactíssimo momento

Em que possa senti-lo e dar-lhe voz.

 

Pode a tarefa parecer-vos lenta,

Mas esta simbiose exige tempo,

Por mais que o Tempo, assim, fuja de nós…

 

 

 

O QUE TU QUEIRAS

 

 

Tu faz de mim - de nós… - o que tu queiras!

Inventa mil passados, mil futuros,

Constrói mil pontes ou derruba muros,

Diz de tua justiça em mil maneiras.

 

Cresceste aprisionado entre fronteiras,

Numa urgência de ser em claros-`scuros

Próprias dos seres que vivem inseguros

Pensando fazer bem… fazendo asneiras…

 

Sonha à tua maneira e sê feliz.

Futuro é um passado por passar

E o presente nem sequer existe…

 

Aquilo que mais queres, nunca eu o quis.

Houve um dia em que a vida quis parar

E eu nem reparei por estar tão triste.

 

 

 

"L`IMPORTANT C`EST LA ROSE", Maria João Brito de Sousa, 1999

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 10:31
link do post | "poete" também! | favorito
|
6 comentários:
De Simbologia do aMoR a 29 de Março de 2010 às 19:10
Belos sonetos!
E o quadro está maravilhoso.
E eu, sem inspiração.

Abraço grande.
De poetaporkedeusker a 30 de Março de 2010 às 11:54
Vera, tu vais dizendo que estás sem inspiração, mas eu vejo-te muito produtiva! A minha inspiração está a voltar - magoada, mas está - mas não tenho tempo. Vou ficar vários dias sem acesso online pois os centros vão fechar para a Páscoa e, na segunda feira, tenho consulta no hospital...
Bjo.
De Simbologia do aMoR a 29 de Março de 2010 às 19:53
Querida amiga Maria

Estive lendo os poema, e percebi que fez um comentário ao poema 43 do poesia em rede. O meu é de número 44 "A Vida... Entre o Querer e o Poder".
Não é preciso desculpar, isto acontece.
Li o de nº 4 como disse-me, mas não li teu nome em nenhum poema.
Pode repetir novamente qual é o teu? Não vi, ou estou cega mesmo.

Abraço
De poetaporkedeusker a 30 de Março de 2010 às 11:57
Caramba! Mas eu fiz o meu comentário no teu poema! "A Vida... Entre o Querer e o Poder", lembro-me muitíssimo bem! O meu é um soneto clássico, em decassílabo heróico - com as tónicais principais na sexta e décima sílabas poéticas - , chama-se Vida e tem o número seis.
Uma doce Páscoa para ti!
Bjo.
De Simbologia do aMoR a 5 de Abril de 2010 às 02:01
Pois é, mas aconteceu.
Quanto ao teu, penso que li, mas acho que você só assinou como "Poeta".
Quanto explicar-me o tipo de soneto...
Minha amiga, falando assim comigo, é como se estivesse falando alemão, ou qualquer outro idioma desconhecido. Não entendo absolutamente nada disso do que me explicou, mas vou voltar a ler.
Quem dera eu ter este conhecimento de poesia, literatura, etc.
Talvez eu volte a estudar para aprender um pouco mais.

Grande abraço

Espero que tenha tido uma feliz Páscoa.
De poetaporkedeusker a 5 de Abril de 2010 às 12:31
Sim, amiga. Eu assinei "Poeta". Desculpa eu insistir nessa coisa das sílabas tónicas... é que é aí que reside a musicalidade do soneto clássico. É quase como aprender música, sabes? E eu não entendo nadinha de música, em termos técnicos, mas intuo isso com toda a naturalidade. Sinto-o.
Também espero que tenhas tido uma boa Páscoa. A minha foi toda passada a alimentar o filhote de melro :)
Bjo!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. SÁBADO, DOMINGO, SEGUNDA ...

. MEMÓRIA(S) DO NÁUFRAGO-PE...

. RUAS

. A PAUTA INVISÍVEL

. GLOSANDO A POETISA MARIA...

. DIÁLOGOS ENTRE MÃE E FILH...

. SETEMBRO(S)

.arquivos

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds