.UM BLOG SOBRE SONETO CLÁSSICO

Da autoria de Maria João Brito de Sousa, sócia nº 88 da Associação Portuguesa de Poetas, Membro Efectivo da Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores - AVSPE -, Membro da Academia Virtual de Letras (AVL) e autora no Portal CEN, escrito num portátil gentilmente oferecido pelos seus leitores. ...porque os poemas nascem, alimentam-se, crescem, reproduzem-se e (por vezes...) não morrem.
Quarta-feira, 17 de Fevereiro de 2010

SÁBADO, DOMINGO... TERÇA E QUARTA FEIRA

Meus amigos,

 

No final destes sonetos que hoje dedico aos meus amigos de quatro patas e penas, deixo-vos alguns links que permitirão a vossa entrada na Academia Virtual de Poetas e Escritores, de que passei a ser membro desde o dia de hoje, por amável convite da Presidente Fundadora, a poetisa Efigênia Coutinho.

É com muita honra que aceito fazer parte deste maravilhoso grupo de Poetas e Escritores Lusófonos.

Um enorme abraço para todos vós!

 

 

O REINO DA ETERNA PRIMAVERA

 

 

Se um dia eu tiver fome… eu terei fome,

Mas “Eles” só a terão depois de mim!

Eu distribuo o pão até ao fim

Por estes que me sabem mais que o nome.

 

Esta norma absoluta, urgente, enorme,

Faz com que tudo seja sempre assim

No reino onde semeio o meu jardim,

Onde nasce o poema e o corpo dorme…

 

E tanto falta! Tanto vai faltando,

Que quem por aqui passe e não me entenda

Pode pensar que só a fome impera…

 

Mas tanto afecto a nós nos vai sobrando,

Quanto amor nasce assim, sem encomenda,

Neste reino onde sempre é Primavera!

 

 

 AQUILO QUE NUNCA MUDA

 

 

Serei sempre obstinada em meus afectos!

Aquilo em que acredito, nunca muda

E não há teoria que me iluda

No que toca aos amores que são concretos.

 

Eu amo esta família construída

Sobre alicerces de aço bem temperado

E se algum deles partir, será chorado

E eu ficarei mais pobre nesta vida.

 

São animais, bem sei… são cães, são gatos,

São pombos que deixaram de voar,

São pedaços de mim que a mim voltaram…

 

Não serão nunca meros artefactos,

Nem “peças” que eu usei p`ra descartar

Quando as conveniências mo ditaram…

 

 A MAIS QUERIDA DE TODAS AS MÃES

 

 

Nunca me falta essa ternura mansa

Das horas do carinho e brincadeiras

Em que reinventamos mil maneiras

De mudar a miséria em abastança…

 

Nunca me faltam as cumplicidades

Nem a dedicação de um meigo olhar

Nas horas que dedico a partilhar

Carícias que alimento de verdades…

 

Sorrio, então, feliz! A plenitude

Está nesse eterno amor que não se ilude

Pois é constante ao longo de uma vida…

 

Falo-vos dos meus filhos não-humanos

Que vivendo comigo há tantos anos

Me fazem sentir sempre a “mãe” mais querida.

 

 

 

 

MEMÓRIAS DA ALVORADA DOS MEUS DIAS

 

 

São coisas da alvorada dos meus dias…

Nesse tempo em que andava no liceu

Eu descobri que poucos como eu

Sabiam praticar as teorias…

 

Ah! Todos tinham mil filosofias!

Segundo muito bem me pareceu

Todos sabiam desse Prometeu

Que havia procurado as mais valias…

 

Mas quando questionar-se era punido,

Já “fiava mais fino” e tinham medo,

Abafavam de pronto esses anseios…

 

[Não fosse Zeus, irado, ter prendido

O pobre Prometeu ao tal penedo

Onde concretizou seus mil receios…]

 

 

 

Sonetos dedicados aos meus “filhotes” de pêlo e penas que tanto têm colaborado no meu crescimento e amadurecimento enquanto pessoa. 

http://www.avspe.eti.br/

 

http://www.avspe.eti.br/biografia2010/MariaJoaoBritodeSousa.htm

 

 http://www.avspe.eti.br/indice.htm

 

  http://www.avspe.eti.br/biografia2010/MariaJoaoBritodeSousa.htm                                                                                                                                                                                                                                        

 

 

sinto-me :
publicado por poetaporkedeusker às 11:21
link do post | "poete" também! | favorito
|
17 comentários:
De Simbologia do aMoR a 17 de Fevereiro de 2010 às 13:57
Bom dia!

Hoje ainda estou em casa, só volto ao trabalho amanhã, depois de alguns dias de carnaval.
E como sempre uma leitura ao teu blog que não pode me faltar.
Os nosso amigos não humanos merecem muito! E estes sonetos estão maravilhosos.
Eu os li com muito gosto e fez-me lembrar do meu cão que já não está no nosso meio, mas que conviveu por 17 anos. Eles sabem muito mais do que nós, do que é o amor, o afeto, a troca. Quem dera se todos os humanos tivessem a mesma sensibilidade que eles. O mundo seria melhor.
Visitei também teu antinho onde agora faz parte. Li tua biografia. Estou muito feliz por fazer parte daquele cantinho. Pelo tempo que escreve, já estava na hora de pertencer juntamente com os outros poetas desta página virtual.
Grande abraço e sucesso sempre.

Ps. Fiz um novo blog "meusvídeospreferidos", os quais estou postanto poesias de alguns poetas.
Descobri ao acaso a maneira que escrevo, depois de ler sobre "simbolismo", o qual também postei no "simbologia do amor". É inacreditável! Eu escrevia sem mesmo saber dsta escola literária.
Abraço
De poetaporkedeusker a 17 de Fevereiro de 2010 às 16:33
Obrigada, minha querida amiga! O meu cãozinho, aquele muito velhinho, ainda está entre nós. Já tem alguma dificuldade em brincar como dantes, mas ainda come bem e, tirando o eterno problema cardíaco, parece estar ótimo.
Temos estado sem internet aqui no CJO. Houve uma falha súbita e só agora tudo voltou ao normal.
Quanto à AVSPE, estou muito feliz e honrada por fazer parte desse grupo! E tu tens muito de simbolista, sim!
Um enorme abraço! Vou tentar responder a todos!
De Simbologia do aMoR a 17 de Fevereiro de 2010 às 14:00
Voltei para dizer...
Gostaria de ver a imagem, mas, ela não aparece.
De poetaporkedeusker a 17 de Fevereiro de 2010 às 16:35
Eu nunca vejo as imagens, Vera... o websense impede-me de as ver... mas eu publiquei direitinho. Não faço ideia porque não aparece para vocês... é uma tela minha de 70x120cm, representando-me junto com os meus amigos de quatro patas.
De linhaseletras a 17 de Fevereiro de 2010 às 14:10
Ainda não consegui ler nada ,mas desde já lhe dou os meus parabéns pela sua entrada na "Academia" , já fui dar uma olhadela mas só logo á noite é que vou ler os sonetos e ver melhor os "sites" da Academia. Agora tenho ir, até logo. Um beijinho e um forte abraço

De poetaporkedeusker a 17 de Fevereiro de 2010 às 16:37
Muito obrigada, Idalina! Nós temos estado sem acesso à net, mas agora tudo parece ter normalizado... vou tentar ir ainda abrir o meu correio.
Um abraço GDE!
De linhaseletras a 17 de Fevereiro de 2010 às 22:37
Agora é que estive a ler os seus sonetos, sáo muito bonitos, os animais merecem, eles dão muito Amor sem pedirem muito em troca e quando tem alguem que lhes dedica tanto carinho como a minha amiga, eles são os amigos perfeitos. Um abraço.

De poetaporkedeusker a 18 de Fevereiro de 2010 às 10:09
:) São mesmo grandes amigos! Eu hoje vim num pulinho tentar responder-vos porque tenho dentista dentro de pouco mais de meia hora, mas penso conseguir voltar à tarde. O soneto de hoje ainda é dedicado a eles e a este friozinho malvado que tem feito :)
Um enorme abraço!
De Vitor a 17 de Fevereiro de 2010 às 22:14
A minha filha leu em voz alta....Adorou...e eu!

Bj*
De poetaporkedeusker a 18 de Fevereiro de 2010 às 10:10
Que bom, Vitor! Suponho que ela seja ainda uma criança... e eu adoro que as crianças gostem de poesia! Eu sempre gostei, desde muito pequenina.
Um enorme abraço!
De artesaoocioso a 17 de Fevereiro de 2010 às 22:54
O "Reino da Eterna Primavera" é uma Primavera triste.
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

O "Reino da Eterna Primavera" é uma Primavera triste. <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Roubeio</A> para o meu blogue. <BR>Um abraço
De poetaporkedeusker a 18 de Fevereiro de 2010 às 10:16
Será assim tão triste, meu amigo? Eu sei que me faltam muitíssimas coisas materiais mas, de alguma forma, sinto-me muito rica... mais eu sei que sou mesmo muito diferente da maioria das pessoas... claro que o ideal seria juntar este carinho todo a alguma segurança material, mas se isso não é possível, eu aprecio ao máximo aquilo que tenho... e todos os dias conheço pessoas que têm uma grande segurança material e não são minimamente felizes... não sei. Há imensas coisas que ainda não sei e ainda bem que assim é...
Um grande abraço!
De artesaoocioso a 18 de Fevereiro de 2010 às 20:10
É difícil responder, há de tudo. Pobreza com riqueza e riqueza com pobreza.
A Maria João é uma lutadora e uma mulher de fé.
São qualidades que admiro... e não tenho.
Um abraço
De poetaporkedeusker a 19 de Fevereiro de 2010 às 11:22
Mas tem objectivos, meu amigo! Quando se têm objectivos, luta-se - trabalha-se - por eles e eu penso que existe fé nesse processo.
Abraço GDE!
De alfa a 18 de Fevereiro de 2010 às 08:57
Maria João, Muitos Parabéns. Fico feliz por si. Ainda não a contactei porque também eu tenho andado demasiado atarefada, mas assim que aliviar um bocadinho é o que farei. Adorei o seu último soneto e a humildade que deixou transparecer. Bj grande
De poetaporkedeusker a 18 de Fevereiro de 2010 às 10:18
Obrigada Alfa! :) Eu estou de saída para uma consulta na dentista - estes malvados dentes ainda não "sossegaram" de todo... - mas vou tentar voltar da parte da tarde. Ontem tentei comentar o "moi, les uns et les autres", mas ele não me deixou publicar o comment :(
Abraço GDE!
De poetaporkedeusker a 19 de Fevereiro de 2010 às 11:33
"A ver vamos se o rapaz não me faz a desfeita de "mandar passear" o comment... :)
Parabéns... atrasados, como sempre. Mas isto já vai sendo "imagem de marca"... chego sempre atrasada aos aniversários...
Bjo!"
Pronto! Foi este o comment que tentei publicar no "Moi, les uns et les autres"... Parabéns, Alfa!

Poete também!

.Transparências de...

.pesquisar

 

.Em livro

   O lucro desta edição reverte
   totalmente a favor da Autora

.posts recentes

. A MEDALHA E O DIPLOMA - ...

. INFORMAÇÃO A TODOS OS AMI...

. SONETO A PRETO E BRANCO

. GLOSANDO A POETISA MARIA...

. O VIGÉSIMO SEXTO DIA

. SÁBADO, DOMINGO, SEGUNDA ...

. MEMÓRIA(S) DO NÁUFRAGO-PE...

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.ARCA DE NOÉ

A Arca de Noé Vivapets distinguiu como Animal da Semana

.HORIZONTES DA POESIA


Visit HORIZONTES DA POESIA

.Autores Editora

.A AUTORA DESTE BLOG NÃO ACEITA, NEM ACEITARÁ NUNCA, O AO90

AO 90? Não, nem obrigada!

.subscrever feeds